Arquivo

Posts Tagged ‘.hack’

A surprise, to be sure, but a welcome one

13/06/2017 11 comentários

Ok, eu sei que não posto nada aqui há mais de 2 anos, e pretendo falar sobre isso algum dia, mas creio que há algo mais importante que merece a quebra deste silêncio.

Quase 10 anos após o lançamento de .hack//G.U. vol.3//Redemption, enquanto todos estavam se concentrando na E3, essa bomba me aparece na Famitsu.

.hack//G.U. Remaster foi anunciado para o PS4 e PC

Além do óbvio (1080p60), aqui estão algumas mudanças :

  • Added retry function
  • Cheat Mode (Play with maxed out level and equipment)
  • Movement speed increased
  • Item slot number increased to 90
  • Item menu shortcut and sort functions added
  • Certain items have consecutive usage function
  • Made easier to see empty equipment slots
  • Chim Sphere and Virus Core possession cap at 999
  • Reduced probability of allies selling off items you give them
  • Improvements that were made in Vol. 2: Reminisce and Vol. 3: Redemption will be reflected on Vol. 1: Rebirth in the HD Remaster.
  • Battle tempo increased with a rise in offensive ability and reduction in hitstop.
  • Weapon skill up rates increased
  • Increase in experience points gained
  • Some powerful enemies have been mitigated
  • Skeith’s shooting speed has been increased
  • Avatar battles have been rebalanced
  • In addition to being able to redo the Marriage Events in Vol. 3: Redemption, you’ll get to do it with all characters that become party members
  • All movies from the Terminal Disk that was bundled with the special edition copy of .hack//G.U. Vol. 1: Rebirth will be included.
  • Haseo with an unfamiliar look appears…

Agora é rezar para que seja lançado no ocidente. Bamco e CC2, don’t go breaking my heart now.


UPDATE: HYPE?


UPDATE 2: HYPE!


UPDATE 3: ELECTRIC BOOGALOO

ALL ABOARD THE HYPE TRAIN! NEXT STOP: G.U. VOL.4! CHOO CHOO MOTHERFUCKERS!

Anúncios
Categorias:.hack, PC, PS4 Tags:, , ,

This week was a good week

Pretendia postar isso antes, mas a preguiça faculdade me impediu.

Persona 5 e um novo .hack anunciados em uma mesma semana? AWW YISS!

AWW YISS

Categorias:.hack, PS3, SMT Tags:, ,

There and back again…

15/10/2013 2 comentários

Para começar, gostaria de dizer que vou parar com esse negócio de pedir desculpas no começo de cada post por ter um longo intervalo de tempo entre estes. Meu plano original nunca foi ter posts, para começo de conversa!

Tendo isso fora do caminho,

Primeiro,

Completei a tradução de .hack//Another Birth vol.1//Infection!

That’s right, lembra que eu disse que voltaria a trabalhar nessas traduções alguns meses atrás? Pois é, durante uma conversa com um amigo, senti vontade de voltar ao .hack, e por isso resolvi retomar o projeto das traduções. Não tenho planos de fazer a tradução do vol.3 imediatamente (ter que refazer tudo o que eu perdi é meio desanimador), mas pretendo fazê-lo em algum ponto.

Na verdade eu terminei essa tradução há algum tempo, mas tive que rejogar .hack//INFECTION – Part 1 para poder encontrar as falas originais das conversas que a Tokyopop trocou, então demorou um pouco mais do que o previsto.

E segundo, finalmente terminei de converter todas as seções do meu detonado de Nocturne!
Talvez já tenham notado que eu completei e postei o Walkthrough há algum tempo, mas só completei o Demonic Compendium vários dias depois porque GODDAMNED TABLES! >_O

Só para ter uma idéia:

Compendium Done - 25882 lines!

Sim, mais de 25000 linhas. No fim, foi um documento de texto de mais de 1mb só com os códigos html dessas malditas tabelas. Se eu não tivesse feito um programa pra me ajudar nisso, teria levado meses para terminar!

Depois dessa, vou evitar usar tantas tabelas x_x’

Not quite dead yet, I assure you

Não, eu ainda não estou morto, e não, eu não abandonei esse blog. Duvido que alguém tenha notado, mas nesse meio tempo em que não postei nada, eu criei a página de Magatamas de Nocturne, e fiz algumas edições menores.

O motivo que eu não vinha postando nada, como eu já expliquei em um comentário, é que eu ainda estava sofrendo os efeitos da greve das universidades federais de 2012 (I kid you not).

O outro motivo, é que eu estive trabalhando em um detonado de Nocturne, que eu terminei esse fim de semana, mas o GameFAQs estava com frescura e só consegui postar hoje. Pretendo converter esse guia para postá-lo aqui assim como fiz com o meu detonado de Tales of the Abyss, mas também deve demorar um pouco (OMG TABLES EVERYWHERE).

Anyway, segue o link:

GameFAQs: Shin Megami Tensei III: Nocturne FAQ/Walkthrough (Portuguese) by hidora

Also, estive testando alguns cheat codes no emulador e… Quad Demi-Fiend vs Lucifer? Aww yeah!

Nocturne: vs Lucifer

PS: Tenho visto que algumas pessoas vem procurado no google pela tradução dos vols 1, 3 e 4 de .hack//Another Birth. Caso você seja um desses, eu não fiz tal tradução, e duvido que alguém tenha feito até o fim. Cheguei a traduzir mais da metade do vol 3, mas perdi o documento há alguns meses, inclusive o template que eu criei ainda para o AI Buster 2 e que eu usei em AI Buster 1 e em Another Birth 2.

Vou procurar no meu pc velho e jogado às traças em casa, e se tiver paciência posso até pensar em continuar a tradução, mas se tiver perdido meu template, isso provavelmente não irá acontecer.

Update: Encontrei o template, mas meu backup do Another Birth 3 era de antes da metade do primeiro capítulo. Portanto, quando tiver tempo e paciência, penso em começar a trabalhar no Another Birth 1.

Categorias:.hack, Guias, PS2, SMT Tags:, , ,

Archives, muthafucka!

18/01/2013 2 comentários

Finalmente criei coragem e resolvi fazer o upload dos .hack//Archives que sumiram junto com a conta do mediafire de k-su. Algumas das imagens foram corrompidas quando fiz o download, então estão faltando algumas páginas (o Archives_03 está completo), mas a maioria está aí. Estou tentando encontrar alguém que tenha as imagens que me faltam, mas tá difícil ._.

Seguem os links:

Categorias:.hack, Downloads Tags:,

Lots and lots o’ stuff~

12/11/2012 2 comentários

Ok, já faz um tempo que não posto nada aqui, e não é sem motivo: a UFAM voltou da greve e desde então estive atolado de coisas pra fazer/rever/reaprender.

Mas agora, finalmente estou de férias… por 1 semana. Well, shit.

Anyway, nesse meio tempo, aconteceu bastante coisa:

DotA e Counter Strike: o tempo todo nas horas livres na facul. Sou péssimo em ambos, mas o importante é se divertir :P

Eu estava trabalhando em um walkthrough de Shin Megami Tensei III: Nocturne, mas aparentemente meu ps2 morreu de vez, portanto não vai dar para terminar. De qualquer forma, não se surpreenda se eu decidir postar aqui algumas partes do guia que eu cheguei a terminar.

Parei de jogar Shin Megami Tensei: IMAGINE Online. A única coisa que me mantinha no jogo eram meus amigos, mas com exceção de 4 deles, todos pararam de jogar. Cheguei a entrar em um novo clan, mas não tive ânimo para continuar. Até porque o jogo não recebe conteúdo novo de verdade há um bom tempo (equipamentos de cash semanais, e a entediante e minúscula virtual beach não contam). Se fosse para definir esse jogo, eu diria: “Grande potencial, mas quase todo desperdiçado. Playerbase interessante e geralmente amigável, mas com muito QQ. Also, Cave sucks.”

Comecei a jogar Aion. Esse jogo possui ótimas jogabilidade e história, mas a interação entre jogadores é quase mínima fora de Legions. Pouquíssimas vezes eu vi alguém usar o “Say” chat, o “Shout” é usado só para dar a localização de asmos, e o “LFG” é lotado de gente procurando por instances/trades, e bots de gold. Aliás, a quantidade de bots de gold é incrível: está na cara que a NC Soft não dá a mínima para eles. Infelizmente, meu note não roda esse jogo e tenho que jogar no do meu irmão, então só posso jogar nas raras vezes em que ele deixa o note em casa :/

FINALMENTE criei coragem e comecei a fazer a adaptação do walkthrough de Tales of the Abyss para postar aqui no blog. Aproveitei e fiz uma revisão na maioria das páginas. Refiz a página de Capacity Cores completamente, e ajeitei as tabelas em algumas delas. Acabo de postar a parte 1 do walkthrough: ainda estou trabalhando na parte 2, porque o wordpress está dando problemas com cada uma das dezenas de tabelas que eu uso no guia, though. Better late than never, I guess. Also, refiz o mapa de Replica Lab, e pretendo postar a v2.1 do guia no GameFAQs em breve.

Estive jogando Devil Summoner 2: Raidou Kuzunoha vs King Abaddon ultimamente e, com exceção do fato da handgun ter sido quase inutilizada, posso dizer que o jogo é BEM melhor que o 1. E novamente, Raiho é um dos meus demons preferidos :P

Rejoguei Megaman Legends, e posso dizer com certeza que nenhum jogo que já joguei me deixa tão paranóico quanto esse. Nenhum. A cada momento parece que um inimigo vai sair de uma esquina… e geralmente isso acontece. O fato de você poder ouvir os passos de inimigos à distância e através de paredes não ajuda. Um ótimo jogo, mas infelizmente o último chefe é uma piada para derrotar.

Após muito tempo, tive a oportunidade de jogar inFamous 2, e devo dizer: estou meio desapontado. A jogabilidade e o gráfico estão bem melhores, mas a história me pareceu meio apressada, e o final Evil foi simplesmente chato. A batalha final do inFamous 1 foi épica, já no 2, só o que tive que fazer foi martelar o Quadrado e R1 por um tempo… E eu sinto falta do raio negro u.u

O que me lembra: A versão de inFamous 2 que joguei foi a dublada em pt-br. A dublagem é perfeita (a tradução, nem tanto, percebi várias falhas e traduções literais). De fato, ouvi dizer que a nova voz de Cole em inglês é péssima, mas não tive problema algum com a versão brasileira. De qualquer forma, se filmes e séries fossem dublados da maneira que jogos estão sendo, eu não teria problema algum em assistí-los dublados. Também joguei Uncharted 1 e 3 em pt-br, e a dublagem desses também é perfeita.

Também joguei Assassin’s Creed: Revelations, rejoguei Assassin’s Creed 1 e 2, e estou vendo se arranjo o Brotherhood, e depois procurar alguém para me emprestar o AC3. Só o que tenho a dizer é que eu finalmente encontrei uma história tão complicada quanto .hack… e eu adorei isso.

E por falar em .hack, Guilty Dragon foi lançado, mas como não tenho um celular que preste e não entendo nada de japonês, não cheguei a jogar.

E novamente, falando em .hack, eu estava sem nada para fazer e, como descobri que o note do meu irmão consegue rodar um emulador de ps2 a uma velocidade jogável (depende do jogo, devil summoner 2 vai a 80-120%, enquanto Okami vai a 40-80%), resolvi finalmente por a teste uma coisa que eu tinha visto há um bom tempo no dothackers //BBS. 5 minutos em um hex editor, e voilá:

É facilmente possível usar qualquer um dos SPCs de Infection seguindo o tutorial feito por Xu Yuan no dothackers, aqui: Hacking .hack//Infection. Tudo o que você precisa é de um hex editor (eu usei o HxD) e a iso do jogo :P

Infelizmente, o Mutation não funciona exatamente da mesma maneira, então essa maneira só funciona com o Infection.

Hey, it’s a blog about the Epitaph of… Holy shit, that’s amazing!

12/07/2012 4 comentários

Voltei a visitar o dothackers //BBS após quase 6 meses, e uma das primeiras coisas que vejo é isso: http://followersofthetwilightdragon.blogspot.com.br/

Seja lá quem for você, senhor TheTwilightDragon, você acaba de ganhar meu respeito!

Para quem não sabe, o Epitaph of Twilight original foi escrito por Kazunori Ito muito antes de .hack ser criado, e ele aproveitou a situação para usar seu poema (lembro de ter lido em algum lugar que ele criou o poema ainda na faculdade ou algo assim).

Kazunori Ito chegou a revelar algumas partes do Epitaph que não foram usadas nos jogos/novels (que afinal de contas, as mesmas partes vêm sendo usadas desde IMOQ…) alguns meses atrás, pelo que me lembre.

Aconselho a qualquer um que seja fã de .hack que dê uma olhada nesse blog. Todas as partes conhecidas do Epitaph estão inclusas ali, incluindo algumas que eu nem sabia…

Estou meio ocupado *cough*compreguiça*cough* no momento, mas quando tiver tempo eu faço uma tradução desse negócio todo. Já fiz grande parte em um comentário nesse blog alguns meses atrás, então não deve demorar muito.

EDIT: Desisti da idéia de traduzir esse texto porque traduzir um poema é praticamente a mesma coisa que traduzir uma música. Ou seja: fica horrível.

 

 

 

Categorias:.hack Tags:,